18 de julho de 2011

O Terapeuta Ocupacional na Equoterapia


O Terapeuta Ocupacional atua na Equoterapia com o objetivo de poder auxiliar e adaptar algumas mudanças funcionais significativas, que estão relacionadas com o bem estar biopsicosocial.
Para essa pratica o T.O. deve dominar os conhecimentos da Equoterapia atuando de forma segura, para assim proporcionar ao praticante um atendimento diferenciado.
Outra função do Terapeuta Ocupacional é a interação e adaptação do praticante ao cavalo, fazendo com que o mesmo adquira confiança e sinta-se seguro com o animal.
O T.O. e o Fisioterapeuta desenvolvem papel importante no processo de desenvolvimento neuro-psicomotor do praticante.
Como membro da equipe, a sua função é:
Avaliar cada praticante no inicia do tratamento (identificando possíveis alterações cognitivas, perceptivas, sensoriais, motoras, funcionais, laborativas, afetivas, emocionais e sociais), que estejam atrapalhando sua qualidade de vida;
Trabalhar a parte motora, equilíbrio, coordenação motora global e fina;
Estimulação sensorial, orientação temporal e espacial, esquema corporal, atividades de vida diária (AVDs);
Possível orientação de membros da equipe com relação à postura do praticante;
Utilização de recursos lúdicos;
Adaptações a jogos, brinquedos ou equipamentos da equoterapia.
Os recursos lúdicos devem ser diferenciados para que os mesmos possam enriquecer a sessão estimulando assim o interesse pela equoterapia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário