8 de agosto de 2011

ANDE-BRASIL


Conheça um pouco mais sobre a Associação Nacional de Equoterapia ANDE-BRASIL:


É uma sociedade civil, de caráter filantrópico, terapêutico, educativo, cultural, desportivo e assistencial, sem fins lucrativos, com atuação em todo o território nacional, tendo sede e foro em Brasília/DF

É reconhecida e declarada como entidade de:
·         Utilidade Pública Federal;
·         Utilidade Pública no Distrito Federal.
Está registrada no(a):
·         Conselho de Assistência Social do DF (CAS-DF);
·         Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente do DF (CDCA-DF),
·         Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS-MJ);
·         Conselho Regional de Medicina do DF (CRM-DF);
·         Secretaria de Estado de Ação Social do DF (SEAS-DF);
·         Secretaria Nacional Antidrogas (SENAD).
Mantém convênio com o (a):
·         Exército Brasileiro (EB);
·         Fundação Habitacional do Exército (POUPEX);
·         Fundação Universidade de Brasília (UnB)
·         Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEDF)
·         Universidade Paulista - Objetivo (UNIP)
É filiada à entidade internacional de equoterapia - The Federation Riding Disabled International (FRDI), como membro pleno.
É uma entidade de consultoria técnica em equoterapia da Sociedade Brasileira de Medicina Física e de Reabilitação.
Conta com o apoio sistemático da Coordenadoria Nacional para a Integração da Pessoa Portadora de Deficiência (CORDE), da Presidência da República.

A Palavra Equoterapia

A ANDE-BRASIL poderia ter adotado a tradução de uma das palavras utilizadas em outros países para caracterizar todas as terapias feitas com o cavalo e a cavalo. Entretanto, as palavras ou expressões adotadas nesses países já são motivo de discussão em congressos internacionais, pois ainda não se encontrou uma palavra para ser utilizada em todos os países que caracterize todos os programas de equoterapia.
Na medida em que profissionais brasileiros das áreas de saúde e educação foram tomando conhecimento, praticando e pesquisando esta terapia, houve uma sensível evolução dentro do campo técnico-científico, deixando de ter um conceito de simples “equitação para deficiente”, passando a ter enfoque científico como preconiza a ANDE-BRASIL e conduzida por uma equipe multiprofissional com atuação interdisciplinar.
A palavra Equoterapia foi criada pela ANDE-BRASIL, para caracterizar todas as praticas que utilizem o cavalo com técnicas de equitação e atividades eqüestres, objetivando a reabilitação e/ou educação de pessoas com necessidades especiais. Foi criada com três intenções:
·         A primeira, homenagear nossa língua mãe – o latim – adotando o radical EQUO que vem de EQUUS;
·         A segunda, homenagear o pai da medicina ocidental, o grego Hipócrates de Loo (458 a 377 a.C.), que no seu livro “DAS DIETAS” já aconselhava a prática eqüestre para regenerar a saúde, preservar o corpo humano de muitas doenças e no tratamento de insônia e mencionava que a pratica eqüestre, ao ar livre faz com que os cavaleiros melhorem seu tônus. Adotou-se TERAPIA que vem do grego THERAPEIA, parte da medicina que trata de aplicação de conhecimento técnico-científico no campo da reabilitação e reeducação;
·         A terceira foi estratégica: que utilizasse a palavra EQUOTERAPIA, totalmente desconhecida até então, estaria engajado nos princípios e normas fundamentais que norteiam esta prática no Brasil, o que facilitaria o reconhecimento do método terapêutico pelos órgãos competentes.
A palavra Equoterapia, está registrada no Instituto Nacional da Prioridade Industrial – INPI, do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, com o Certificado de Registro de Marca nº 819293529, de 26 de julho de 1999.



Nenhum comentário:

Postar um comentário