13 de julho de 2013

Saiba mais sobre a Pista de Atendimento

    A pista de atendimento dever seguir os padrões mundiais das pistas pequenas de dressage, medindo 20 x 40 metros contento um sistema de lettering em torno de sua parte externa na ordem A-K-E-H-C-M-B-F (sentido horário) e letras invisíveis ao longo da linha central, D-X-G.     
   As letras devem ser fixadas fora da pista, a cerca de 50 cm desta e perfeitamente visíveis para praticantes e terapeutas e a linha do meio em todo o seu comprimento e os três pontos D, X e G, um metro para cada lado, devem ser marcados no terreno de forma discreta (utilizar um rodo, um rolo ou um ancinho).
   A medida padrão deve ser adotada por respeitar o limite de flexionamento da coluna do cavalo ao realizar curvas sem andar em duas pistas . Em círculos menores que 5 metros o cavalo realiza seus movimentos de forma que seus anteriores percorrem um caminho diferente de seus posteriores , traçando linhas paralelas de apoio deturpando o movimento tridimensional e o equilíbrio do praticante. 
   A presença do lettering possibilita ao terapeuta trabalhar sequências lógicas de manobras e figuras de pista, o praticante pode localizar-se sobre o plano e o guia pode executar as mudanças de direção de forma lógica.
   O piso deve ser de areia , grama ou terra batida. O terreno cercado permite maior concentração durante as sessões. 

Fonte: Equoterapia e Equitação

Nenhum comentário:

Postar um comentário